Confira 3 habilidades essenciais para que os profissionais de compras possam se adaptar e se destacar na era digital.

Share to

3 habilidades fundamentais do gestor de compras na era digital

A Indústria 4.0 trouxe transformações contínuas e rápidas, exigindo ao profissional novos conhecimentos para acompanhar o ritmo das inovações.

Além de estar atualizado em relação às novidades tecnológicas e demonstrar à equipe que tem conhecimento dos novos processos, o gestor de compras precisa desenvolver algumas habilidades específicas para obter resultados mais expressivos – para a empresa e para a sua carreira na era digital.

Siga na leitura e saiba mais.

3 principais habilidades encontradas em um gestor de compras eficaz na era digital 

Tempos atrás, a lista de competências principais poderia ser resumida em organização, planejamento, bom relacionamento interpessoal, conhecimento das estratégias e do perfil da empresa, habilidade de negociação e ética.

Todas essas habilidades continuam sendo essenciais, mas a chegada da Indústria 4.0 demanda novas capacidades.

A lista abaixo ajuda a dar um bom direcionamento, permitindo identificar quais dessas competências já fazem parte do seu perfil e quais precisam ser desenvolvidas. 

1. Capacidade Analítica

Atualmente, toda empresa lida com uma imensidão de dados – no caso do departamento de compras são  informações sobre fornecedores, cotações já realizadas, dados de estoque, média de prazos de entrega e emissão de purchase order, etc. -, exigindo do profissional capacidade analítica para extrair informações relevantes e ter mais assertividade no momento de decisões (como escolha do melhor fornecedor, por exemplo) e aumentar a produtividade do departamento como um todo.

Essencial em épocas passadas, quando as organizações não dispunham de tantos elementos palpáveis para sua gestão, o feeling foi substituído pela coleta, organização e análise de dados, transformando-os em indicadores e argumentos decisivos para tomada de decisões inteligentes e estratégicas.

Por esse motivo, a capacidade analítica torna-se essencial para lidar de forma organizada e inteligente com um volume de dados cada vez mais intenso e complexo, provenientes de diversas fontes.

Para aprofundar seus conhecimentos sobre o assunto, leia esse artigo sobre Big Data e este sobre Data Science.

2. Pensamento crítico

A habilidade de usar a lógica e o raciocínio para analisar um problema, considerando as soluções possíveis – com seus prós e contras – e, por fim, escolher a que oferece mais benefícios, mais do que nunca é essencial.

Ela permite a resolução de questões complexas de modo ágil, o que é muito importante em uma época em que tudo ocorre com uma velocidade vertiginosa.

E a boa notícia é que essa capacidade pode ser desenvolvida e aprimorada com o tempo, à medida que somos testados nesse sentido e praticamos.

3. Criatividade

Segundo o Fórum Econômico Mundial a criatividade será uma das principais habilidades para os gestores modernos, ao lado da capacidade de analisar informações de modo crítico em busca de soluções complexas – saiba mais lendo o artigo da instituição sobre o assunto.

Novos produtos, tecnologias e novas formas de trabalho exigem um comportamento mais criativo para se beneficiar com tantas mudanças. E, ao contrário do que se pode pensar, a criatividade não é domínio exclusivo de artistas.

Toda pessoa que consegue utilizar informações variadas, transformando-as em uma ideia nova e positiva, está fazendo uso da criatividade. Permita-se pensar de modo inusitado, deixando sua mente vagar em busca de soluções diferenciadas – isso é ser criativo.

Como adquirir as habilidades do Gestor de Compras 4.0

Por mais que algumas pessoas tenham maior predisposição a ter as habilidades consideradas importantes para o gestor de compras 4.0, felizmente, todas elas podem ser desenvolvidas. Confira algumas dicas para aprimorá-las.

Estude temas diversos

Analisar dados e tomar decisões significa integrar informações diferentes, de várias fontes, transformando-as em insights positivos, portanto, quanto mais amplo for o conhecimento, mais profundas serão as conclusões. Saberes diversificados permitem perceber mais variáveis no momento de avaliar situações e buscar soluções.

Vivemos uma época em que as novidades surgem quase que diariamente e é preciso ter vontade de experimentá-las e aprender a usá-las. Mas se prepare: o que foi aprendido hoje, em pouco tempo poderá se tornar obsoleto e você precisará recomeçar o processo!

Para você entender melhor sobre esse mundo rápido, volátil e incerto em que estamos inseridos, sugerimos a leitura sobre o mundo VUCA.

Amplie sua capacidade de observação e questionamento

Analisar o que ocorre ao redor, dando atenção aos detalhes e buscando conclusões interessantes e relevantes, é uma forma de desenvolver a capacidade de análise e de tomar decisões mais assertivas. Mas é preciso ir além, elaborando questões certas e buscando respostas nos dados disponíveis.

Treine com jogos de lógica

Mais do que diversão, esse tipo de jogo permite encontrar soluções eficazes e rápidas para um determinado problema, ajudando a desenvolver a habilidade analítica.

Durma bem e anote suas ideias

Dormir o suficiente é essencial para amadurecer o conhecimento que se absorveu durante o dia – vale destacar que o tempo de sono necessário para o bem-estar muda de pessoa para pessoa, mas segundo os especialistas o ideal gira em torno de 6 a 8 horas.

Pesquisa realizada pela Universidade da Califórnia, nos EUA, apontou que o estágio do sono chamado REM (quando há a ocorrência de sonhos), estimula a criatividade, além de consolidar as memórias do dia anterior e organizar o pensamento – ampliando a possibilidade de insights sobre os problemas para os quais estamos buscando soluções. Não menos importante, uma boa noite de sono prepara nosso cérebro para as atividades do dia seguinte, aumentando o humor, o bem-estar e a produtividade.

Caso você tenha interesse em se aprofundar mais no tema, pode acessar o Laboratório de Sono e Cognição, que conta com a participação de Sara Mednick, uma das responsáveis pela pesquisa anteriormente citada.

E uma última dica: não esqueça de ter um bloco de notas sempre à mão. As melhores ideias podem surgir a qualquer momento e, se não anotadas, poderão ser esquecidas diante da quantidade de tarefas do dia a dia.

O gestor de compras e a Indústria 4.0

A transformação digital mudou a forma como as empresas fazem negócios e executam seus processos, mas, por mais facilidades que tenha trazido, ainda depende do ser humano para direcionar e usar os recursos, gerando valor para a organização.

Em uma era amplamente digital, o gestor de compras precisa saber lidar com o cotidiano da Indústria 4.0, no qual o surgimento de novas tecnologias, recursos, regulamentações e formas de fazer as coisas exige habilidades específicas – como as que abordamos neste blog post.

Contar com bons fornecedores e parceiros de negócios nesse momento pode ser decisivo. E a Soluparts, uma empresa global com escritórios na Alemanha, Brasil, Portugal, Hong Kong e EUA, ajudará sua empresa a fazer a diferença. Com a Soluparts, sua organização conta com:

  • Preços reduzidos – porque temos uma equipe de especialistas que pesquisa e negocia peças visando a melhor relação custo-benefício para sua empresa;
  • Redução no número de fornecedores de materiais indiretos;
  • Redução significativa no número de cotações, com consequente aumento da eficiência do Departamento de Compras
  • Fornecimento garantido de qualquer item – temos acesso aos mercados mais estratégicos do mundo.

Gestor de compras, torne seu trabalho mais eficiente e ganhe tempo para investir em você. Experimente nossos serviços: clique e faça seu pedido de cotação hoje mesmo!

 

Leave your comment

Please enter your name.
Please enter your email address.
Please enter a valid email address.
Please enter comment.